Dia Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas

Tem sido cada vez mais comum a gente ouvir falar que já não se consegue colher milho e feijão como antigamente, que o tempo mudou. As perdas de safras por conta dos períodos de estiagem estão cada vez mais comuns. Grandes secas, que acabam afetando diretamente a agricultura e a produção de alimentos são sinais das mudanças climáticas que o planeta já está enfrentando.

De acordo com o engenheiro agrônomo e consultor da Fundação APAEB, Ferdnando Brito, uma ação importante para minimizar os efeitos das mudanças climáticas é a preservação do nosso bioma. “A manutenção de áreas de caatinga e o plantio de árvores nativas são essenciais, uma vez que as árvores têm capacidade de retirar da atmosfera os gases que contribuem com o aquecimento global. Outras práticas estão relacionadas à agropecuária. Quanto menos a propriedade depender de insumos externos e utilizar mais resíduos orgânicos como restos de culturas, de madeiras, folhas e galhos, mais a propriedade será sustentável. Além disso, podemos contribuir fazendo um melhor controle do consumo de energia e de queima de combustíveis. Os processos de transformação que trazem energia até as nossas casas também favorecem a emissão de gases nocivos, que provocam o aquecimento global e por consequencia trazem pra gente os efeitos das mudanças climáticas”, orienta o agrônomo. A Fundação APAEB, com apoio da CAR, vem distribuindo mudas nativas para 150 famílias agricultoras do Projeto Piloto Socioambiental “O Caatingueiro” Viveiro de Mudas. O Projeto faz parte do programa Bahia Produtiva e a ação de distribuição de mudas tem entre seus objetivos a recomposição da Caatinga, como forma de promover a conscientização de práticas que possibilitem a redução de gases de efeito estufa. Essas mudas deverão recompor as áreas verdes nas propriedades, que servirão como Reserva Legal, um instrumento ambiental obrigatório previsto na Lei 12.651/2012 que prevê a manutenção de uma área de 20% de vegetação nativa com o objetivo de conservação da flora e fauna.


Por Fundação APAEB: http://www.fundacaoapaeb.org.br/portal/ em: 16/03/2021.



7 visualizações0 comentário