top of page

AGENDHA doa 240 unidades de mudas em Seminário do MST na Bahia

AGENDHA doa 240 unidades de mudas em Seminário do MST na Bahia No último sábado, a equipe da AGENDHA marcou presença no Seminário da Coordenação Regional Nordeste Ampliada do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), realizado no povoado de Bom Jardim de Santa Brígida, na Bahia. Durante o evento, a AGENDHA teve a oportunidade de contribuir com a recuperação da caatinga ao doar 240 unidades de mudas.

Foto: Acervo AGENDHA

A iniciativa da AGENDHA faz parte do Projeto PRAD ESEC Raso da Catarina e visa promover a recuperação de áreas degradadas dentro e no entorno da estação ecológica. Essa iniciativa reforça o seu compromisso com a convivência com o semiárido e o bem viver de agricultores/as familiares, povos e comunidades tradicionais do Semiárido brasileiro.

Dentre as mudas doadas, destacam-se: 140 unidades de Moringas, conhecidas por suas propriedades medicinais e capacidade de purificação de água; 50 unidades de Umbuzeiros, árvores nativas da região que são essenciais para a convivência com o semiárido; 20 unidades de Pinhas, árvores frutíferas de grande valor nutritivo; 20 unidades de Aroeiras, importantes para a produção de madeira de qualidade; e 10 unidades de Tamboris, espécie nativa utilizada tanto para fins medicinais quanto para produção de mel.

O Seminário, que reuniu lideranças, agricultores e apoiadores do MST, teve como objetivo discutir estratégias para fortalecer a luta pela reforma agrária e a garantia dos direitos dos trabalhadores rurais. A participação da AGENDHA no evento representa um importante passo na promoção da agroecologia e na construção de uma sociedade mais justa e sustentável.

Estiveram presentes no Seminário: Maurício Aroucha (Coordenador Geral do Projeto); Maciel Silva (Coordenador Técnico); Galileu Matias (Coordenador de Campo do Projeto), Sheyla Gomes (Técnica de Campo) e Lívia Murari (Técnica de Campo). Eles compartilharam conhecimentos sobre a produção de mudas da AGENDHA, processos de coleta de sementes, produção de serrapilheira e demais estratégias utilizadas para alcançar de forma positiva as metas do projeto.

A doação das mudas pela AGENDHA foi recebida com gratidão pelos participantes do Seminário, que reconheceram o valor dessas plantas para o fortalecimento da agricultura familiar e a revitalização dos ecossistemas locais. A expectativa é que as mudas doadas contribuam para o enriquecimento da biodiversidade na região e para o fortalecimento da produção agrícola sustentável.

A AGENDHA continua comprometida em promover ações que conciliem desenvolvimento humano e ambiental, acreditando no poder transformador da agroecologia para construir um futuro mais próspero e equilibrado para as comunidades rurais.


Bruna Cordeiro - ASCOM AGENDHA

11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page